Chile abre caminho para abandonar Constituição da época da ditadura

Um ano depois dos protestos que chegaram a levar mais de um milhão de pessoas às ruas de Santiago, o Chile foi às urnas em 25 de outubro de 2020 e aprovou por uma maioria avassaladora a convocação de uma assembleia constituinte. O grupo terá até 12 meses para reescrever a constituição do país, ainda da época da ditadura de Pinochet. É um passo importante, mas apenas o primeiro capítulo de um longo processo que ainda terá mais duas votações populares e pode terminar mantendo a constituição atual.

The post Chile abre caminho para abandonar Constituição da época da ditadura appeared first on The Intercept.

Recommended Posts